cela me rassure d'avoir la confirmation qu'il est des choses qui demeurent intactes * philippe besson

one of the secrets of a happy life is continuous small treats * iris murdoch

it's a relief sometimes to be able to talk without having to explain oneself, isn't it? * isobel crawley * downtown abbey

carpe diem. seize the day, boys. make your lives extraordinary * dead poets society

a luz que toca lisboa é uma luz que faz acender qualquer coisa dentro de nos * mia couto





28.2.15

tulipas brancas


da mesma forma que me apaixonei por veados quando fui viver para os alpes, também me apaixonei por tulipas brancas (e amarelas, em segundo lugar). muitos sabados, depois de terminar o trabalho, passava pela florista para comprar um molho. por vezes, comprava outras flores também, cravos brancos grandes, mimosas, muguets (quando era a época deles) e tulipas de todas as cores. gostava da surpresa de ver a cor de dentro. quando cheguei a lisboa pensei que ia ser muito facil encontrar tulipas, mas enganei-me. as que vejo à venda sao, em regra geral, feiras, muito caras e vendem-se individualmente. no outro dia, numa florista no colombo pediram-me 4€ por uma tulipa branca. uma, sim. j'ai halluciné!
mas ontem, quando ia comprar acessórios para biberoes dei com este molho dentro do balde, no pingo doce. agarrei-me logo a ele e quase me esqueci do que ali ia fazer. diz que a paixao tem dessas coisas. sorriso. este fim de semana sou feliz por ter um jarro com um molho de tulipas brancas em cima da mesa. sou também muito feliz com o sorriso da minha filha. sou uma rapariga simples.

e esta semana ouvi esta musica em loop e gostei de ler esta entrevista ao pl e lembrar-me de como tudo começou. dos primordios da ilustração, das "bandas de garagem" e de uma data de coisas. fui lendo as linhas e lembrando-me das entrelinhas.

4 comentários:

Pecola disse...

Eu sou mais frésias, mas as tulipas são lindas, também :)

Deolinda Gonçalves disse...

Uma rapariga simples, que gosta de coisas simples :) <3

Manuela Margalha disse...

Nos mercados consegue de certeza comprar tulipas mais baratas e aos molhos! Também adoro tulipas brancas :) mas hoje consegui descobrir no meu jardim uns lirios roxos, vieram logo para a jarra ainda meios fechados!

maria franco disse...

Recordações:
No dia 26 de Março de 1970, 5ª feira, com um vestido normal e três
tulipas amarelas, casei-me na
Conservatória de Oeiras. Sempre gostei de ser original à minha
maneira. O coração do meu companheiro parou num dia de Abril
de 2007. Fiquei sozinha e muitas
vezes profundamente triste.
Gosto muito de tulipas!
Um sorriso terno para si e para
a sementinha.