cela me rassure d'avoir la confirmation qu'il est des choses qui demeurent intactes * philippe besson

one of the secrets of a happy life is continuous small treats * iris murdoch

it's a relief sometimes to be able to talk without having to explain oneself, isn't it? * isobel crawley * downtown abbey

carpe diem. seize the day, boys. make your lives extraordinary * dead poets society

a luz que toca lisboa é uma luz que faz acender qualquer coisa dentro de nos * mia couto





16.2.14

dias de cinema (79)


chorei,  logo no inicio e quase senti um alivio por estar sozinha naquela fila. gostei do filme, mas houve qualquer coisa que nao me embalou. talvez o lado previsivel. judi dench é fenomenal; steve coogan lembra-me hugh grant.

do stephen frears gostei muito do alta fidelidade. o filme que foi o clic para um fim, nessa mesma noite, lembro-me. era maio. 

gostei de ver philomena, mas so isso. gostei.

4 comentários:

Enjoy the Ride disse...

gostei um bocadinho mais. um filme que me comova é sempre um filme de que guardo boas memórias. :)

J. disse...

houve ali dialogos que me chatearam um bocadinho por serem demasiado previsiveis e fiquei um bocadinho zangada com o fim do filme ;)

frascodememorias disse...

Gosto muito da atriz (achei o desempenho no filme "Notes on a scandal" completamnete perturbador). Só por ela, este filme deve valer a pena. Quanto ao resto, é pena se desperdiçaram uma actriz destas... Ainda não vi...

J. disse...

sim o filme vale a pena… se calhar eu é que tinha grandes expectativas… gostei na mesma, mas costumo ser de arrebatamentos, fiquei em estado normal e por isso "estranha" ;)