cela me rassure d'avoir la confirmation qu'il est des choses qui demeurent intactes * philippe besson

one of the secrets of a happy life is continuous small treats * iris murdoch

it's a relief sometimes to be able to talk without having to explain oneself, isn't it? * isobel crawley * downtown abbey

carpe diem. seize the day, boys. make your lives extraordinary * dead poets society

a luz que toca lisboa é uma luz que faz acender qualquer coisa dentro de nos * mia couto





3.10.12

porquê fazer simples quando se pode complicar?



ha seis anos que trabalho nesta biblioteca. ha seis anos que converso, troco mails, tenho reunioes, faço relatorios por escrito. ha seis anos que digo que o meu nome é tao simples como quando se pronuncia. tem cinco letras apenas. nao é joanna, nao é johana, nao é johanna e muito menos é yoanna. mas ao fim destes anos todos e depois de ter dito uma série de vezes "nao é assim que se escreve" e das pessoas responderem "aaah, afinal é simples", continuam a escrever à maneira delas e eu acabei por me familiarizar com um nome que nao é o meu nem no som nem na escrita.

portanto, senhorita j. em frança chama-se jóànà (às vezes com um n. às vezes com um h. às vezes com h. e um n. outras com h. e dois n.

é assim, viver num pais onde cada um pode escolher o nome que quiser para os filhos. nao ha regras de ortografia. nada. podem até inventar-se nomes o que da origem a coisas  estranhissimas e muito feias.
mas também ha nomes muito bonitos, sao é muito menos do que os feios.

4 comentários:

Cor do Sol disse...

Por aqui também há nomes muito estranhos e também não há listinha como em Portugal. Já com o meu nome só muda uma letra do usal por aqui, o nome pronuncia-se da mesma forma mas fazem sempre questão de o escrever mal e isso já me chateou mais, que fazer? ;)


B. Cérise disse...

Eu tenho um apelido (do marido) que mesmo em Portugal escrevem mal...passo a vida a corrigir, mas eu já sabia ao que ia quando decidi adotá-lo!
Bem, felizmente não nasceste brasileira, porque senão aí é que era o caos;)!

Beijinhos*

J. disse...

como seria se eu fosse brasileira? nao descobri :(

B. Cérise disse...

No Brasil não há qualquer política de registo de nomes próprios e há com cada coisa mais esquisita, que só visto! Podes divertir-te um bocado por aqui: http://www.angelfire.com/sd/cba/nomes.html

;)